Fale Conosco

Conteúdo atualizado em 19.03.2020


FOB recebe doação de equipamento de Laser

Luís Victorelli
19/03/2018

FOB recebe doação de equipamento de Laser

O Centro de Pesquisas Clínicas da Faculdade de Odontologia de Bauru da Universidade de São Paulo (FOB-USP) recebeu, por doação, um equipamento de laser, o Therapy XT da DMC. O aparelho que emite luz laser vermelha e infravermelha é usado para as finalidades anti-inflamatórias, cicatrizantes e analgésicas no atendimento e pesquisa odontológica em pacientes oncológicos.

O professor Paulo Sergio da Silva Santos, vice-coordenador do Centro de Pesquisa Clínica da FOB-USP, informa que o aparelho irá beneficiar pacientes em tratamento antineoplásico pertencentes do Hospital Estadual de Bauru, Hospital Amaral Carvalho e também pacientes encaminhados por médicos oncologistas da região de Bauru.

A doação foi feita pela Associação dos Engenheiros, Arquitetos e Agrônomos de Bauru (Assenag). Juntamente com o aparelho de laser Therapy XT, que já está em uso, foi doada também uma televisão de 42”. A iniciativa da Assenag contou com apoio do engenheiro e vereador José Roberto Martins Segalla. A arrecadação aconteceu por meio de um jantar beneficente da categoria realizado para esta finalidade.

Suporte aos pacientes com câncer

Sobre a pesquisa, o professor Santos informa que o objetivo é desenvolver estratégias de suporte odontológico aos indivíduos que recebem quimioterapia e radioterapia, além de proporcionar suporte odontológico necessário durante o tratamento do câncer realizando as adequações dentaria e periodontal. “E a aplicação do laser terapêutico na mucosite oral é uma condição debilitante neste grupo de pacientes”.

Os pacientes também contam com suporte de profissionais de outras áreas como a Fisioterapia, Fonoaudiologia e Nutrição. “Uma das linhas de pesquisa é a produção de material audiovisual de orientações de cuidados bucais e gerais para pessoas com câncer que serão transmitidos na televisão na sala de espera”, diz o professor Santos. O material produzido tem como objetivo orientar o paciente a ter uma boa saúde da boca e do organismo como um todo.

O professor da FOB-USP lembra também que se trata de um atendimento de excelência, baseado em evidencia cientifica, utilizando protocolos internacionais. “É uma atividade de extensão que atinge uma comunidade que passa por um momento difícil da vida que é o tratamento de um câncer. Assim, a Odontologia e as áreas afins de multidisciplinaridade vêm para acrescentar, cuidando e orientando estes pacientes, sempre os respeitando. Além disso, são capacitados dentistas, pós-graduandos e graduandos para o atendimento a indivíduos com câncer nos locais de origem destes estudantes”, conclui.

Além do professor Paulo Sergio da Silva Santos, integram a equipe de pesquisadores, as professoras Cássia Maria Fischer Rubira, Simone Soares, Giédre Berretin-Félix e Linda Wang, alunos de pós-graduação, dentistas e funcionários que atuam no Centro de Pesquisa Clínica da FOB-USP.

imprimir





 Envie sua sugestão de notícia