Fale Conosco

Conteúdo atualizado em 19.03.2020


Pesquisadores discutem erosão dentária na USP

Marianne Ramalho, Assessoria de Comunicação da CCB/USP
20/10/2010

Pesquisadores discutem erosão dentária na USP

Foi aberto no dia 20 de outubro, no Teatro Universitário da Faculdade de Odontologia de Bauru (FOB) da Universidade de São Paulo (USP) o “1º Encontro Internacional sobre Erosão Dentária”.

Estima-se que estejam participando do evento em torno de 300 congressistas procedentes de todas as regiões do Brasil, e do exterior de vários países da América Latina e da Inglaterra.

O evento é coordenado pelas professoras Marília Afonso Rabelo Buzalaf e Ana Carolina Magalhães, ambas da Disciplina de Bioquímica do Departamento de Ciências
Biológicas da FOB/USP.

A erosão é uma perda de estrutura dentária de esmalte e eventualmente de dentina, que são os tecidos duros do dente, em função de exposição a ácidos. Estes ácidos podem ser de origem externa, resultado de uma alimentação muito ácida, com refrigerantes, limão e vinagre.

E a acidez também pode ser de origem interna, como pessoas que tem refluxo e que por isso podem ter ácidos gástricos na boca e pessoas que apresentam quadro de bulimia.

Até o dia 22 de outubro, palestrantes nacionais e internacionais trocam informações sobre o diagnóstico e tratamento da erosão dentária, com alta prevalência nos países desenvolvidos.

Apesar da incidência crescente entre a população, no Brasil a erosão dentária ainda é pouco estudada. Em vista disso, as coordenadoras do evento afirmam ser importante a realização de eventos científicos que discutam o tema.

Além das palestras são apresentados 40 cartazes com pesquisas de alunos de graduação e pós-graduação e pesquisadores de universidades, institutos de pesquisa e indústrias de produtos odontológicos, procedentes de diversas regiões do Brasil e do exterior.

Informações adicionais do evento podem ser obtidas no site: www.fob.usp.br/erosion2010 ou no e-mail: erosion_2010@yahoo.com.br

Foto: Maria Fidela de Lima Navarro, ex-diretora da FOB e Marília Buzalaf, coordenadora do evento

imprimir





 Envie sua sugestão de notícia