Fale Conosco

Conteúdo atualizado em 19.03.2020


Iniciada construção do bloco didático do curso de Fonoaudiologia

Marianne Ramalho, Assessoria de Comunicação da Coordenadoria do Campus de Bauru da USP
22/05/2010

Iniciada construção do bloco didático do curso de Fonoaudiologia

 

Em maio, na diretoria da Faculdade de Odontologia de Bauru (FOB) da Universidade de São Paulo (USP) foi realizada uma reunião de ordem de início de obras da construção do bloco didático do curso de Fonoaudiologia.
 
Dentre outras pessoas estavam presentes ao encontro, o engenheiro Renato Antonio Gallo, da empresa Tegen Engenharia, Comércio e Construção Ltda., sediada em Botucatu e o diretor da FOB/USP, José Carlos Pereira.
 
A empresa contratada para execução da obra é a Tegen e a fiscalização e recebimento da obra será de responsabilidade da Coordenadoria do Espaço Físico (Coesf) e Core-BA, que é a Coordenadoria do Espaço Físico – Regional Bauru da USP.
 
O canteiro de obras foi iniciado em 17 de maio e a obra começará efetivamente em 1º de junho, com prazo de conclusão de 300 dias (10 meses). A construção foi contratada no valor de R$ 2.025.859,69 milhões de reais, verba própria da USP.
 
O projeto do bloco didático do curso de Fonoaudiologia é da PAN Design Arquitetura e Consultoria. O bloco dispõe de 1.207 m2 (metros quadrados), com auditório para 174 pessoas, 6 salas de aula e áreas de apoio (sanitários, copa, depósitos, etc).
 
Esta etapa do projeto consiste na construção de salas de aula (bloco didático), mas posteriormente será construído o bloco de laboratórios, ambos localizados próximo a Clínica de Fonoaudiologia, ao lado da portaria da rua Henrique Savi.
 
Durante a reunião de início de obras, o diretor da FOB, José Carlos Pereira, enfatizou que “Esta é uma reivindicação antiga das professoras do curso de fono, e foi um trabalho de longa data iniciado na gestão da professora Maria Fidela de Lima Navarro, prosseguiu na gestão do professor Luiz Fernando Pegoraro e me oferece o privilégio de assinar este documento de início dessa obra”.
 
Mariza Ribeiro Feniman, chefe do Departamento de Fonoaudiologia da FOB/USP, relata que esta é uma emoção ímpar por ser um sonho que se torna realidade, e uma conquista de todo o corpo docente, que trabalha desde o início do curso para oferecer o melhor aos alunos da graduação e da pós-graduação.
 
A professora Dionísia Aparecida Cusin Lamônica relembra que o início deste projeto contou com a sua participação e do falecido arquiteto, Jurandir Bueno, além de outros docentes do Departamento de Fonoaudiologia da FOB, como a professora Maria Cecília Bevilacqua e a professora Kátia Flores Genaro.
 
Lamônica afirma que este é um espaço que está sendo esperado há muito tempo e agora torna-se realidade, coincidindo o início das obras no ano em que o curso de Fono comemora 20 anos de atividades.
 
imprimir





 Envie sua sugestão de notícia