Fale Conosco

Conteúdo atualizado em 19.03.2020


Debate sobre processos em odontologia

Marianne Ramalho, Assessoria de Comunicação da PUSP-B
17/07/2014

Debate sobre processos em odontologia

A Disciplina de Odontologia Legal da Faculdade de Odontologia de Bauru (FOB) da Universidade de São Paulo (USP) promove o debate “Aumento de processos contra cirurgiões-dentistas”, no dia 22 de julho, às 19h, no anfiteatro da graduação.

O evento é gratuito e está aberto à participação dos cirurgiões-dentistas de Bauru e região e conta com o apoio do Conselho Regional de Odontologia de São Paulo (CROSP) e da Associação Paulista de Cirurgiões-Dentistas – Regional Bauru (APCD). A inscrição deve ser feita no e-mail: secretaria@otbrasil.com.br  

O professor da FOB/USP Arsenio Sales Peres será o debatedor e participam do evento como convidados: o cirurgião-dentista Wilson Chedieck, presidente da Comissão de Ética do CROSP; Roberta Rizzo, advogada da Comissão de Ética do CROSP e Jorge Soriano Moura, advogado da APCD – Regional Bauru (SP).

Segundo Peres, o objetivo do debate é esclarecer o cirurgião-dentista da importância da relação contratual entre ele e o seu paciente. O problema consiste no que permeia a relação contratual.

O que é contratado entre o cirurgião-dentista e o paciente é que está levando ao processo. Isso gera uma denúncia por parte do paciente contra o cirurgião-dentista. Antes de ser um erro profissional existe uma falta de entendimento, isto porque o contrato pode ser explícito (escrito e assinado) ou tácito (verbal, sem documento).

O professor da FOB esclarece que em odontologia é mais frequente que o contrato seja verbal, sem um documento formal assinado. Desta forma, um prontuário odontológico com falhas leva a um expressivo número de processos contra o cirurgião-dentista.

Arsenio Sales Peres acrescenta que “devido ao crescente número de profissionais em diversas clínicas, percebe-se um aumento do número de processos contra esses profissionais. Acredito que atualmente o consumidor está mais atento aos seus direitos, desta forma o profissional deve levar em consideração esta mudança de comportamento do seu paciente”.

Analisando esta situação, o evento na FOB/USP é uma oportunidade de reunir os profissionais, debater e discutir a relação de consumo entre o cirurgião-dentista e o seu paciente.

imprimir





 Envie sua sugestão de notícia