Fale Conosco

Conteúdo atualizado em 19.03.2020


TUSP apresenta “Dias de Campo Belo”

Marianne Ramalho, Assessoria de Comunicação da Coordenadoria do Campus de Bauru da USP
10/06/2010

TUSP apresenta “Dias de Campo Belo”

 

O TUSP – Teatro da Universidade de São Paulo e a Seção de Eventos Culturais e Esportivos da Coordenadoria do Campus de Bauru (CCB) da USP realizam nos dias 12 e 13 de junho, às 20h, no Centro de Convivência do campus a apresentação da peça teatral “Dias de Campo Belo”, encenada pelo Grupo “O Pequeno Teatro de Torneado”.
 
A peça tem entrada franca, sendo aberta a participação da comunidade em geral. No sábado, dia 12 de junho, das 14h às 17h, no Centro de Convivência será realizado o Workshop “A Dramaturgia dos Moleques”, com entrada franca. Informações e inscrições podem ser feitas pelo e-mail: xykoperes@usp.br
 
“Dias de Campo Belo” propõe uma investigação das relações e do universo masculino e conta a história de uma jornada interior, um passeio pelas memórias e sonhos de personagens masculinos que tentam modificar o curso de sua existência e colocar em relevo tudo o que passou despercebido.
 
Mais do que um flagrante sobre o universo masculino, a peça procura lançar um olhar abrangente sobre as pequenas ditaduras cotidianas que agem sobre a existência do ser humano e cada vez mais o afastam de um conceito mais simples de felicidade: experiências, encontros, aprendizados.
 
A peça é o mais recente trabalho do “Pequeno Teatro de Torneado”, com dramaturgia e direção de William Costa Lima e assistência de direção de Bruno Lourenço dos Santos. É um experimento oriundo dos Núcleos de Direção e Dramaturgia da Escola Livre deTeatro de Santo André, sob coordenação de Luis Fernando Marques (Direção) e Kil Abreu (Dramaturgia). Trata-se de um experimento aberto, que em sua trajetória faz uma constante busca pelo diálogo com a realidade do espaço e da comunidade atingida.
 
O grupo tem pesquisado caminhos para uma encenação simples, sem grandes aparatos técnicos, livre de artificialidade, deixando dessa forma o corpo do ator e suas possibilidades como sendo o verdadeiro espetáculo.
 
Para isso, todos os elementos necessitam ser revertidos para uma experiência de troca entre atores e plateia. Algo que se possa compartilhar num lugar de intimidade, onde o artista possa abrir mão da representação, dirigindo o seu discurso diretamente para os espectadores, levando-os a participar de sua trajetória e se reconhecerem nela.
 
O Centro de Convivência localiza-se no campus de Bauru da USP, na alameda Dr. Octávio Pinheiro Brisolla, 9-75, na Vila Universitária. Informações adicionais no telefone: (14) 8174-6273.
imprimir





 Envie sua sugestão de notícia